Atiradores entram em escola, matam 5 alunos e 2 funcionários em Suzano (SP)

Guilherme Taucci Monteiro, 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, 25 anos, são ex-alunos da escola; o dono de uma loja de veículos, tio de um dos assassinos, foi morto e 7 pessoas assassinadas dentro da escola. A dupla se suicidou.

5 minutos atrás

‘É triste saber que sua irmã foi morta pelo ódio’, diz Anielle Franco

Anielle, irmã da vereadora Marielle Franco, ao lado do pai e da viúva de Anderson Gomes comemoraram a prisão dos ex-PMs, mas cobraram que a investigação aponte o mandante do crime.

Acusado de matar Marielle foi avisado de que seria preso, diz promotora

Por causa de vazamento, operação que prendeu Ronnie Lessa e Elcio Queiroz, denunciados pelo Ministério Público pelos homicídios da vereadora e do motorista Anderson Gomes, precisou ser antecipada.

‘Não acabou’: polícia do RJ quer saber quem mandou matar Marielle e Anderson

Governador do Rio Wilson Witzel, que havia participado de ato que rasgou placa com nome da vereadora, usou prisão de suspeitos para elogiar a própria gestão em coletiva de imprensa e afirmou que acusados poderão fazer ‘delação premiada’.

Líder do PCC pensou em se matar há 5 anos, quando foi para o ‘castigo’

O Regime Disciplinar Diferenciado deixa o preso completamente isolado; na avaliação psicológica, Marcola relatou marca na infância pela morte da mãe e ausência do pai, e que a saudade que sentia dos filhos o fez pensar em suicídio.

Indígenas vivem sob ameaças de madeireiros e mineradores no Maranhão

Conselho de Gestão Ka’Apor emitiu comunicado de autodefesa em dois acessos da área indígena entre Pará e Maranhão e denunciam reiteradas ameaças de morte a líderes, que se agravaram.

Quase 30 armas de clube de tiro de SP agora estão nas ruas

Furto aconteceu na Lapa, zona oeste da capital paulista, na madrugada de segunda-feira (25/2); para especialista, caso é apenas mais uma prova que contradiz o senso comum: arma do crime vem, na maioria das vezes, do mercado legal.

Feminicídios na Argentina: por que os policiais matam mais

Entre 2015 e 2017, segundo o Centro de Estudos Legais e Sociais, apenas na província e na cidade de Buenos Aires, 23 mulheres foram assassinadas por funcionários das forças de segurança. Na maioria dos casos, agentes estavam fora de serviço.

Contribua com a Ponte

Clique para doar

Catarse

feito por F E R A