Protestos contra morte de Pedro Gonzaga fecham Extra: ‘vidas negras importam’

Manifestantes marcharam em frente a filiais da rede de supermercados de diversas cidades contra o genocídio da população negra; jovem foi morto por segurança no Rio

7 minutos atrás

‘Fui agredida com chicote de fio elétrico pelo meu marido’

Vítima conta que recebeu golpes nas costas por ter chegado em casa após horário estabelecido por esposo, em Angra dos Reis (RJ), no dia 3/2; delegacia da mulher expediu mandado de prisão e caso viralizou em redes sociais

Pacote de leis proposto por Moro pode criar brecha que beneficia feminicidas

Especialistas ouvidos pela Ponte divergem sobre impacto da alteração na legítima defesa em casos de feminicídio: de um lado, tese de ‘violenta emoção’ já é usada para defender agressor; de outro, brecha pode até excluir pena.

Moro vai investigar os crimes contra ativistas?, pergunta blogueira ameaçada

Blogueira feminista e professora universitária, Lola Aronovich denuncia nova ameaça que vem do mesmo grupo suspeito de ser responsável pela maioria dos ataques ao deputado Jean Wyllys, que está exilado.

Meu nome é Pedro, agora também na certidão de nascimento

No Dia da Visibilidade Trans, 29 de janeiro, a Ponte narra as dificuldades de um homem trans para retificar seu nome: ‘foi uma conquista poder ser reconhecido integralmente como uma pessoa no gênero que eu me identifico’, diz Pedro.

O rap de Paz: justiça trans mapuche

Indígena e não-binária, a rapper argentina Cumelen Berti começou sua carreira no Brasil e voltou a Buenos Aires para expandir sua mensagem de luta e respeito para os povos originários e comunidades dissidentes, apresentando ritmos novos e ancestrais.

5 minutos atrás

Jovem gay é agredido com garrafada no pescoço em festa no litoral paulista

Dançarino de 28 anos afirma que um dos agressores colocou a perna para que ele tropeçasse; ao questioná-lo, o outro o teria atingido com uma garrafa de vidro no pescoço após gritar ‘cala boca, viado!’.

Homem trans denuncia discriminação feita por atendente do Burger King em SP

Pedro Bernardo comprava um lanche quando o funcionário se recusou a concluir a compra se ele não falasse o nome de registro: ‘Fala seu nome de mulherzinha’, teria dito o homem.

Clima de Copa do Mundo e jornalistas infiltrados na posse de Bolsonaro

Apoiadores vão ao delírio quando Bolsonaro anuncia fim do socialismo e da ‘ideologia de gênero’, e comemoram salva de tiros de canhão como um gol em final de campeonato.

Contribua com a Ponte

Clique para doar

Catarse

feito por F E R A