Dia de Doar para o Jornalismo: mídias digitais se unem em campanha de financiamento

Ação reúne 26 organizações com objetivo de arrecadar doações para fortalecimento do jornalismo digital de qualidade

Produzir e distribuir jornalismo de qualidade em redes digitais depende de financiamento. E para encurtar a distância entre quem pode contribuir financeiramente e quem precisa desses recursos para fazer jornalismo no Brasil, 26 organizações de todas as regiões do País estão unidas, pelo segundo ano seguido, em campanha no Dia de Doar, comemorado em 30 de novembro. A data tem como objetivo estimular a generosidade e inspirar pessoas a doar para aquilo que elas acreditam.

Com o apoio da Ajor (Associação de Jornalismo Digital), entidade que representa veículos de mídia digital, a parceria das organizações acontece entre de 30 de novembro e 4 de dezembro e conta com a participação da Agência Envolverde, Agência Mural, Agência Pública, Alma Preta, Amazônia Real, Aos Fatos, AzMina, data_labe, Eco Nordeste, Énois Laboratório de Jornalismo, Fauna News, Gênero e Número, Joio e o Trigo, Jornal Metamorfose, Manual do Usuário, Marco Zero Conteúdo, Matinal Jornalismo, Nonada Jornalismo, Nós, mulheres da periferia, ((o))eco, Periferia em Movimento, Portal Catarinas, Ponte Jornalismo, Quatro Cinco Um, Saiba Mais e Sul21.

As ações da campanha serão feitas nos perfis de redes sociais das organizações de jornalismo, sempre usando a hashtag #diadedoar. A ideia é motivar os consumidores do conteúdo a, também, contribuir financeiramente para que o trabalho dessas organizações continue e seja ampliado. Para a editora de relacionamento da Ponte, Jessica Santos, esta é uma excelente oportunidade para conscientizar o público sobre a importância de apoiar o jornalismo independente. “E uma boa forma de apoiar nossas parceiras de Ajor”, pontua Jessica.

A Ponte fez parte da iniciativa no ano passado que rendeu bons frutos. Em 2020, foram 18 organizações unidas no mesmo propósito. O Dia de Doar cresceu e traz mídias plurais que captam diferentes aspectos da vida do brasileiro e seus territórios. Além disso, é uma excelente forma de estimular as pessoas a fazerem parte do Tamo Junto, o programa que reúne os leitores que querem fazer parte da Ponte. A partir de R$ 10 mensais, o apoiador tem acesso à equipe, participa de eventos exclusivos e ainda apoia o jornalismo combativo da Ponte.

Assim como a Ponte, os veículos que participam da campanha têm o foco na fiscalização do poder público, pluralidade editorial e trabalham para defender a democracia, ameaçada por uma enxurrada de desinformação. O apoio financeiro a esse trabalho é um posicionamento em defesa do jornalismo, um dos pilares da democracia.

Clique aqui para conhecer mais sobre o trabalho de cada uma das organizações

Comentários

Comentários

Já que Tamo junto até aqui…

Que tal entrar de vez para o time da Ponte? Você sabe que o nosso trabalho incomoda muita gente. Não por acaso, somos vítimas constantes de ataques, que já até colocaram o nosso site fora do ar. Justamente por isso nunca fez tanto sentido pedir ajuda para quem tá junto, pra quem defende a Ponte e a luta por justiça: você.

Com o Tamo Junto, você ajuda a manter a Ponte de pé com uma contribuição mensal ou anual. Também passa a participar ativamente do dia a dia do jornal, com acesso aos bastidores da nossa redação e matérias como a que você acabou de ler. Acesse: ponte.colabore.com/tamojunto.

Todo jornalismo tem um lado. Ajude quem está do seu.

Ajude

mais lidas