Ponte Jornalismo é selecionada para laboratório da Google News Initiative

GNI Latin America Advertising Revenue Lab reúne 21 veículos do Brasil de países hispanohablantes; o objetivo do programa é fazer crescer negócios de publicidade

Imagem: Reprodução

A Ponte Jornalismo foi selecionada entre veículos de todo Brasil para participar do 2021 GNI Latin America Advertising Revenue Lab, liderado pela Google News Initiative e organizado pela consultoria digital Media.Monks e pela WAN-IFRA (Associação Mundial de Editores de Notícias).

O objetivo do programa é fazer crescer negócios de publicidade para veículos independentes. Ao longo de 14 semanas, a Ponte e os demais participantes receberão consultoria e apoio personalizados para desenvolver seu conteúdo digital e estratégia de distribuição, otimizar seu website e tecnologias de publicidade, e estabelecer ou refinar um fluxo sustentável de receita de anúncios digitais.

“O crescimento da receita publicitária será um foco chave para este programa, mas também trabalharemos juntos para construir novas habilidades e mentalidades para ter sucesso em um futuro digital”, disse o diretor de Soluções de Parcerias Globais do Google, Ben Monnie.  Já para o diretor para as Américas da WAN-IFRA, Rodrigo Bonilla, “este laboratório fornecerá ferramentas extremamente úteis, insights e orientação para que as organizações jornalísticas aumentem a receita da publicidade digital e tenham uma presença digital mais robusta”.

Para o diretor de Artes e Projetos da Ponte, Antonio Junião, a expectativa com esse programa é “ampliar o alcance e a divulgação dos conteúdos produzidos pela Ponte para promover uma melhor discussão sobre os temas de segurança pública, justiça e direitos humanos com foco na equidade de direitos como proposto em nossa missão”.  Segundo ele, o GNI servirá para aprimorar e fortalecer os modelos de negócio da Ponte, que foram construídos com base em uma audiência ativa e participativa.

O GNI Latin America Advertising Revenue Lab é parte do Programa de Crescimento Digital da GNI. Lançado em 2020, o programa foi projetado com especialistas do setor e editores de notícias em todo o mundo para ajudar as organizações de notícias de pequeno e médio porte a alcançar o sucesso digital por meio de livros de brincar gratuitos, exercícios interativos, oficinas digitais e laboratórios.

Foram 21 veículos selecionados entre brasileiros e latinos de fala hispânica. Além da Ponte, os demais veículos brasileiros são BHAZ, Campinas.com.br , CartaCapital, Costa Norte, Diário do Nordeste, Imediato, ND Mais, O Tempo e Sistema Sagres. Já os demais latinos são Diario Los AndesEl Ciudadano e Grupo Crónica da Argentina, DUPLOS do Chile, La OpiniónLa Patria and La Silla Vacía da Colombia, Diario Libre da República Dominicana, El Imparcial do Mexico, Grupo Epasa do Panama e El País do Uruguai

Comentários

Comentários

Já que Tamo junto até aqui…

Que tal entrar de vez para o time da Ponte? Você sabe que o nosso trabalho incomoda muita gente. Não por acaso, somos vítimas constantes de ataques, que já até colocaram o nosso site fora do ar. Justamente por isso nunca fez tanto sentido pedir ajuda para quem tá junto, pra quem defende a Ponte e a luta por justiça: você.

Com o Tamo Junto, você ajuda a manter a Ponte de pé com uma contribuição mensal ou anual. Também passa a participar ativamente do dia a dia do jornal, com acesso aos bastidores da nossa redação e matérias como a que você acabou de ler. Acesse: ponte.colabore.com/tamojunto.

Todo jornalismo tem um lado. Ajude quem está do seu.

Ajude

mais lidas