PM acusado de matar garoto de 14 anos com tiro na nuca vai a júri popular

Alécio José de Souza, que responderá por homicídio duplamente qualificado, confessou ter atirado em viela durante ação que terminou com a morte de Luan Gabriel no dia 5 de novembro de 2017.

PM à paisana mata testemunha de morte cometida por policial em 2017

Segundo a Polícia Civil, adolescente praticou roubo e policial de folga reagiu; o outro jovem baleado na ação relatou ameaças após assassinato de Luan Gabriel, 14 anos, no ano passado.

PM é indiciado por matar adolescente que foi comprar bolacha na Grande SP

Perícia comprovou que tiro disparado pelo cabo Alécio José de Souza acertou a nuca de Luan Gabriel, de 14 anos. Polícia Civil o enquadrou por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Contribua com a Ponte

Clique para doar

Catarse

feito por F E R A