Desembargadores rejeitaram tese do policial militar de que arma com defeito disparou sozinha, em 2016, no interior de SP; defesa recorreu novamente e quer livrar Luís Paulo Izidoro do júri, ainda sem data definida. Ler mais