Pesquisa realizada por grupo de estudo da Fundação Getúlio Vargas, divulgada com exclusividade pela Ponte, mostra que em 62% das ações na Justiça de SP houve alegação de confronto com a polícia; em 86% dos casos que vão à 2ª instância, decisão é mantida. Levantamento levou em conta apenas ações da Defensoria Pública de SP. Ler mais


Instâncias superiores mantém decisão da Justiça de SP por danos morais e pagamento de pensão de um terço de salário mínimo para Débora da Silva, fundadora das Mães de Maio. Agora, Estado não pode mais recorrer. Ler mais