Pacto firmado entre PCC, CV e GDE apontam para união contra inimigo em comum, segundo analistas; mensagens atribuídas aos grupos reforçam pacto temporário. Ler mais


Guardiões do Estado, aliada do grupo paulista, ordenou ataques em série como resposta às mortes de 3 integrantes de quadrilha especializada em roubo a banco. Ler mais

'Quando um policial é morto, eles saem executando quem se entende por suspeito, que são sempre negros, pobres e periféricos', afirma pesquisador; ao mesmo tempo, aliança entre facções tenta impedir entrada do PCC. Ler mais

O massacre de 56 presos no AM era uma tragédia anunciada. Agora tudo é possível. A Força de Segurança deve localizar e prender os envolvidos, ter uma ação efetiva. A situação pode ficar feia se não houver rigor. Mas, já dá para cravar: acabou a paz Massacre aconteceu no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), em Manaus, nos dias 1 e 2 de janeiro de 2017 (Reprodução/Google Earth) O massacre de 56 detentos no presídio do Amazonas entra no velho clichê da tragédia anunciada. Em 2015, o Ministério Público de São Paulo e o Gaeco de Presidente Prudente, onde estão presos… Ler mais

Para Maria Marques, da Pastoral Carcerária do Amazonas, terceirização de presídio Anísio Jobim colaborou no massacre de 56 presos. Ler mais