Justiça de SP mantém anulação de júris do Carandiru e PMs terão novo julgamento

Por 3 votos a 0, a 4ª Câmara Criminal do TJ mantém válida decisão de 2016, que apontou ‘legítima defesa’ dos policiais; desembargador ataca a imprensa e fala em ‘perseguição’ ao relator do caso.

Porta-voz da PM de SP sugere que Ponte recebe dinheiro do crime, mas recua

Major Emerson Massera questionou em rede social: “Haveria uma Ponte entre o jornalismo e o crime?”. Depois, excluiu a postagem, pediu desculpas e afirmou que se “expressou com mágoa”

Filha de vítima do Massacre do Carandiru processa SP por posição de desembargador

Fernanda Vicente da Silva, filha de Antonio Quirino da Silva, entrou com ação judicial por danos morais contra a Fazenda Pública do Estado ao entender que o funcionário público violou o direito à memória de seu pai

Magistrado que anulou júris do Carandiru também absolveu PMs condenados por tortura

Militares eram do Gradi, grupo da PM de SP que usava infiltração de presidiários para tentar enfraquecer a facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital)…

6 minutos atrás
Contribua com a Ponte

Clique para doar

Catarse

feito por F E R A