‘Sou discriminada quando conto que a PM atirou em mim’, diz professora

Professora tomou um tiro de bala de borracha no rosto quando voltava do cinema, em 2014; governo negou o crime e até a Defensoria ficou um ano sem lhe dar retorno.

10 minutos atrás