Senado argentino rejeita legalização do aborto no país

Após 16 horas de debates e com placar apertado de 38 votos a 31, senadores rejeitam projeto de lei que tinha sido aprovado na Câmara dos Deputados em junho deste ano.