Zilda Maria de Paula, mãe de um dos 23 mortos na maior chacina de SP, considera que justiça foi feita; família de PM defende inocência de condenado. Ler mais


Magistrada responsável pelo processo prevê que julgamento dure 12 dias. Foram arroladas 43 pessoas para prestar depoimento. Ler mais