Estado e município se unem em agressão a professores em SP

Servidores municipais se reuniram em frente à Câmara de São Paulo contra reforma da previdência proposta pelo prefeito João Doria (PSDB); mais de 15 pessoas ficaram feridas.